Dicas ao Turista - Mai/04

Voltar

As atividades de lazer ou de descanso em férias ou fins de semana devem ser planejados com antecedência. Uma viagem nacional ou internacional, a aquisição de pacotes turísticos, a escolha do meio de transporte, reservas de passagens, hospedagem e passeios, aluguel de imóvel no campo ou na praia, ou ainda a locação de um carro, requer cuidados.

Pacotes Turísticos
Verifique as opções que são oferecidas pelas agências ou operadoras: Pacotes individuais: há maior liberdade de programação; a hospedagem e as empresas de transporte (rodoviário, aéreo, marítimo ou fluvial) são previamente contratadas; normalmente, as datas de partida e chegada e a duração são rígidas; Excursão: os roteiros e horários são fixos; procure informar-se sobre o número de pessoas que compõem o grupo, pois, quanto maior ele for, menos privilegiado será o atendimento individual.

Após a escolha, realize pesquisas prévias de preço estabelecendo padrões comparativos (duração, localidade, tipo de transporte, alimentação, passeios, hospedagem etc.) que possam permitir a opção mais adequada, levando sempre em conta sua disponibilidade financeira em relação à qualidade e conforto pretendidos.

A seguir, observe as recomendações abaixo:

Escolha uma agência ou operadora registrada na Embratur e, em São Paulo, consulte o Cadastro de Empresas Reclamadas da Fundação Procon - fone: 3824 0446; confirme os preços oferecidos no mercado.

Verifique as despesas inclusas no pacote e, principalmente, as não inclusas; guarde todo o material publicitário, pois ele é parte integrante do contrato e suas informações têm que ser cumpridas; não assine nenhum documento que não esteja totalmente preenchido;

Cheque detalhadamente todas as informações constantes do contrato, tais como: data e local do início (partida) e da chegada (retorno), condições de pagamento, formas de transporte, tipo e categoria do hotel ou das acomodações (simples, duplo etc.), taxas extras, traslados, roteiros, número de refeições, utilização de guias etc; se a agência cancelar a viagem, ela está obrigada a restituir o valor pago, devidamente atualizado, a oferecer outra opção de viagem, bem como indenizar por eventuais perdas e danos; quando o cancelamento partir de você, comunique a empresa protocolando seu pedido por escrito, o mais rápido possível.

Fique ciente de que o agente de turismo poderá reter percentuais relativos a despesas administrativas. informe-se sobre as gorjetas e limites de compra em "free-shop" (viagem internacional) ou zonas francas.

Faça seu programa verificando as previsões meteorológicas e a incidência de fenômenos naturais que ocorrem em determinados locais e épocas do ano (migração de animais marítimos, aves, furacões, temperaturas extremas, chuvas, secas, queimadas etc.)

Condições de Pagamento
Compare o preço à vista e o total a prazo. Observe, em caso de financiamento, a taxa de juros empregada, o número e a periodicidade das prestações. Atenção! Os valores devem estar expressos em moeda corrente nacional. Faça constar do contrato se o pagamento será efetuado em cheque ou cartão de crédito. Verifique as multas previstas, em caso de atraso no pagamento.

Documentação
Caso pretenda viajar ao exterior, informe-se se o país a ser visitado exige passaporte. Procure providenciá-lo com antecedência. Lembre-se de que obter o visto para alguns locais pode ser bastante demorado. Providencie a autorização para a viagem de crianças desacompanhadas dos pais/responsáveis ou acompanhadas de apenas um deles. Alguns países exigem outros documentos, bem como atestados de vacinas contra algumas moléstias. Informe-se sobre sua necessidade (ou obrigatoriedade) junto à embaixada ou ao consulado do local a ser visitado.

Seguro de Viagem
Se no valor do pacote turístico não estiver incluso algum tipo de seguro de viagem, você poderá contratá-lo por meio de corretoras ou mesmo por meio das próprias agências. Há muitas opções disponíveis no mercado. A apólice pode abranger não somente doenças, medicamentos e morte, como também extravio de bagagens. Caso possua uma apólice de seguro de vida, cheque com a seguradora se há cobertura para eventuais imprevistos durante a viagem. Lembre-se de que as empresas de cartão de crédito oferecem esse tipo de vantagem aos portadores de cartão internacional.

Meios de Transporte
Informe-se sobre os meios de transporte que serão utilizados (avião, trem, ônibus, barco, navio, peruas, aluguel de carro etc.). Os meios de transporte podem ser fretados ou de linhas regulares. O ônibus é o mais popular meio de transporte em viagens entre um estado e outro.

Traveler's-Check
Ao comprar "traveler's-check', pesquise a cotação, observe o preenchimento e confira os valores de emissão. Na compra ou troca de moeda estrangeira (câmbio), informe-se sobre valores que podem ou que devem ser levados. Só compre de operadoras oficiais de câmbio evitando, inclusive, portar moeda falsa.

Bagagem
Outro item importante refere-se à quantidade de bagagem que pode ser embarcada gratuitamente. Informe-se antecipadamente sobre o peso e/ou volume permitidos, assim como o custo a ser pago no caso de eventual excesso.

Atenção: Nas altas temporadas, muitas vezes não é permitido o excesso de bagagem, nem mesmo pago. Com as passagens em seu poder, compareça ao local de embarque com a antecedência recomendada. Verifique, em cada modalidade de transporte, as peculiaridades e condições que devem ser observadas.

Cancelamentos ou desistências
Fique atento aos casos de cancelamento ou desistência, uma vez que as tarifas promocionais e transporte fretado (ônibus, vôo charter, cruzeiro marítimo, etc.) apresentam inúmeras restrições quanto à possibilidade de devolução de valores, remarcação ou endosso (transferência para outra empresa). Para algumas situações, há a previsão de multa quando da ocorrência de mudanças no ajustado inicialmente.

Transporte Aéreo
No caso de transporte por avião, as principais companhias aéreas brasileiras cobrem a maior parte dos vôos domésticos.

Ao adquirir seu bilhete, observe atentamente se a data, o horário, a validade, bem como o número do vôo estão corretos; Saiba que a passagem aérea é um contrato que estipula as obrigações e deveres da companhia aérea e do passageiro.

Confirme a sua presença no vôo pelo menos setenta e duas horas antes da data marcada; É sempre bom anotar o nome da pessoa que o atendeu e o código da reserva; Em caso de atraso por mais de quatro horas do embarque, a empresa aérea deverá transferi-lo para outro vôo com o mesmo destino e serviço equivalente, encaminhá-lo a um hotel, com todas as despesas pagas, ou restituir o valor da passagem; Se o atraso lhe trouxer prejuízos financeiros, você tem o direito de ser indenizado, tanto por danos materiais quanto morais, quanto pertinente; Se a companhia aérea vender passagens acima do número de lugares disponíveis no avião (overbooking), impossibilitando o seu embarque, deverá indenizá-lo por danos materiais e morais; Uma vez feito o check in, a empresa aérea torna-se responsável pela sua bagagem e deve indenizá-lo em caso de extravio ou danos.

Antes do embarque, faça a declaração de bens na Polícia Federal e guarde o comprovante; só assim poderá provar o que possuía dentro da bagagem, facilitando o ressarcimento pelo valor real de seus bens; Identifique todas as suas malas, sacolas ou bolsas de mão com etiquetas que contenham seu nome, endereço completo e telefone.

Transporte Rodoviário/Ferroviário
Adquira sua passagem, nacional ou internacional, com antecedência, para garantir data, horário e assento de sua preferência; Informe-se sobre a duração da viagem, número de paradas, local do desembarque e se há algum serviço incluído (lanche, refrigerantes, etc.); Verifique o limite de bagagem que pode ser transportado gratuitamente e a cobertura de seguro disponibilizada; Informe-se com antecedência na empresa qual o prazo de que você dispõe para cancelar sua viagem e reaver o valor pago; As empresas rodoviárias também vendem, muitas vezes, mais passagens do que o número de poltronas existentes. Se isso comprometer o seu embarque, você poderá exigir o reembolso do valor do bilhete, além dos danos morais, se for cabível.

Transporte Marítimo
Solicite previamente a planta da embarcação para a escolha do camarote levando em conta a localização, vista, espaço, padrão de acomodação e a facilidade de acesso a escadas e elevadores; Verifique se as escalas previstas serão realizadas efetivamente em portos com infra-estrutura ou se ocorrerão em transbordo (transferência) no mar para embarcação de menor calado (porte); Informe-se sobre o número de refeições e eventuais opções de cardápio, bem como sobre a programação do navio e as atrações disponibilizadas (cassino, show, teatro, cinema etc.), recreação (piscina, sala de jogos, pistas de corrida etc.) e serviços (cabeleireiro, lavanderia, bar etc); procure informar-se sobre os trajes mais adequados à programação do navio e lembre-se que áreas fechadas da embarcação são climatizadas por ar condicionado; considere, no seu orçamento eventuais despesas não incluídas no pacote, tais como passeios nos locais de escalas, visitas a pontos turísticos, bebidas, refeições etc.; fique atento às orientações de encaminhamento da bagagem.

Aluguel de Carro
Verifique antecipadamente as exigências para locação, utilização, devolução, prorrogação de uso do veículo e rescisão do contrato (as empresas costumam exigir cartão de crédito, inclusive como garantia); não assine notas ou faturas em branco; ao alugar um veículo para ser usado em outro país, procure verificar se as diárias poderão ser pagas antecipadamente, aqui no Brasil; os extras, como seguros opcionais ou obrigatórios, impostos e combustível, normalmente são quitados no local da devolução; ao fazer sua reserva, informe a agência sobre o modelo de carro que você deseja: tipo, ano de fabricação, equipamentos opcionais etc.; é essencial avisar a locadora o período em que pretende utilizar o carro, a companhia aérea, o número e horário do vôo de chegada, a data da retirada, bem como a data e o local previstos para a devolução do veículo; não se esqueça de providenciar a carteira de motorista internacional. Alguns países exigem este documento. Informe-se sobre a legislação de trânsito do local a ser visitado; ao retirar o carro, examine-o cuidadosamente para verificar se o mesmo se encontra em perfeitas condições; tenha sempre à mão o telefone da polícia e do serviço de atendimento ao consumidor da empresa; avise imediatamente a locadora caso o carro for roubado, danificado ou esteja apresentando problemas de ordem mecânica, para que a troca possa ser efetuada.

Hospedagem
Dentro das opções do local escolhido para a viagem, verifique quais são os tipos de hospedagem oferecidos (hotéis, pousada, fazendas, vilas, chalés, resorts, camping, trailers etc.); cheque, com antecedência, os serviços de infra-estrutura do empreendimento (refeições, lazer, recreação, atrações, sistema de ar condicionado, telefone, cofres, lavanderia etc.), bem como a forma de acesso ao local (estradas ou ruas asfaltadas, balsas ou barcos, iluminação, sinalização etc.); ao efetuar sua reserva, procure solicitar documento de confirmação por escrito, contendo as formas de pagamento, tipos de acomodação, prazos e multas em caso de cancelamento; ao decidir pelo cancelamento da reserva, comunique o fornecedor por escrito e com antecedência e exija que lhe seja enviado um documento confirmando o recebimento do cancelamento; procure estar de posse dos "vouchers" (vale ou comprovante que o passageiro apresenta em hotéis, locadoras, companhias aéreas etc) com antecedência; ao chegar ao local de hospedagem, coloque objetos de valor (jóias, dinheiro, documento etc.) no cofre e guarde o comprovante do depósito; saiba que o fornecedor é responsável pelo desaparecimento ou danos em bagagens e objetos dos hóspedes que estejam sob sua guarda; informe-se sobre o período que compreende a diária e da eventual possibilidade de prorrogação da estadia.

Passeios
verifique se os traslados, passeios ou visitas a pontos turísticos estão inclusos no pacote. Informe-se sobre o valor dos ingressos, traslados, lembranças etc; saiba que alguns eventos exigem a aquisição de ingressos com muita antecedência (peças de teatro, óperas, finais de jogos ou competições, exposições etc.). Além disso é importante conhecer a planta do local para escolha do lugar na platéia visando perfeito acompanhamento visual e acústico do espetáculo; no caso de museus informe-se se o acervo estará disponibilizado na data agendada da visita evitando desapontamento; visitas a parques abertos de diversão só combinam com condições climáticas favoráveis, portanto, deve-se verificar antes da compra de pacotes ou passagens, a melhor época do ano para o efetivo aproveitamento; procure informações em guias turísticos (livros/almanaques/folders etc) ou centrais de atendimento ao turista.

Aluguel para Temporada
A locação de casas ou apartamentos para temporada (período de férias) não pode ultrapassar noventa dias; nas locações para temporada, o proprietário pode requerer todos os aluguéis de uma só vez e antecipadamente; faça sempre um contrato por escrito indicando as condições em que se encontra o imóvel e a descrição dos móveis e objetos que fazem parte da residência; peça informações detalhadas sobre a localização, capacidade, acomodações, disponibilidade de garagem, forma de acesso e segurança do imóvel. Informe-se sobre o local de retirada e entrega das chaves solicitando que seja feita vistoria conjunta tanto na entrada como na saída.

Se o imóvel for em condomínio verifique a infra-estrutura disponibilizada (play-ground, piscina, salão de jogos, pistas de corrida etc.) e as regras básicas da convenção e regulamento interno do condomínio. Faça valer seus direitos exigindo que toda a contratação seja documentada e que os valores desembolsados sejam lançados em recibos ou notas fiscais. Em caso de dúvidas, procure um órgão de defesa do consumidor de sua cidade.

Fonte: Embratur