Sete Dias em Um SPA - Jan/01

Voltar

Uma temporada num spa vem "fazendo a cabeça" de muita gente ultimamente, seja para perder alguns quilinhos , desintoxicar ou minimizar o stress das grandes cidades. Passar um tempo nestes lugares pode ser muito bom para o corpo e para o espírito!

Nós, da Revista Turismo, resolvemos investigar o que vem acontecendo nestes lugares e dar umas dicas aos aventureiros...

A primeira idéia que se tem é de um local onde ingerimos umas míseras calorias por refeição, somos vigiados como se estivéssemos num campo de concentração, tem-se alucinações de fome e fazemos qualquer negócio por um contrabando de leite condensado em um pote de shampu. Mas na realidade existem lugares muito agradáveis, onde tudo conspira para que você perca alguns quilos e excelente para se "recarregar as baterias" antes de você partir para outros lugares em suas férias.

Quando você decide ir a um spa seja por vaidade ou necessidade o primeiro susto quando chega é que encontra pessoas comuns, adolescentes e magros. Longe daquela idéia que encontraria colegas com mais de 150 quilos, encontramos pessoas que estão 02 ou 03 quilos acima de seu peso normal.

 

O escritor Mario Prata que passou quinze dias em um spa, escreveu um livro muito interessante : Diário de um Magro onde ele conta como pode ser divertida esta experiência, uma leitura imperdível para quem quer se aventurar por este mundo.

O homem moderno tem apresentado uma série de problemas de saúde que o homem moderno decorrente de uma vida cada vez mais sedentária, além dos problemas de obesidade, diabetes, hipertensão e stress, existem outros problemas posturais e hormonais.

 
Neste começo de milênio, nunca foi tão importante cultuar a saúde. O número de academias aumentaram assim como o número de pessoas que procuram o serviço de personal trainer para dar um atendimento personalizado . Os alimentos se tornam cada vez mais light e diet, procura-se introduzir alimentos naturais sem agrotóxicos e conservantes, aumentando a quantidade diária de frutas, legumes e verduras.Quem ainda não entrou nesta, ou entrará em breve pelas pressões sociais que valorizam um corpo bonito e malhado ou por algum problema de saúde que costuma aparecer com um rotina sedentária.

Pode-se verificar esta mudança social quando decidimos ir a um spa pois para se conseguir uma vaga, mesmo constatando alguns preços salgados, pode ser muito complicado. A obesidade é um problema que tem surgido cada vez mais cedo e todo mundo anda estressado. Em Julho e em Janeiro, sempre está lotado de adolescente, o Spa torna-se uma versão dietética de acampamento de férias.

 
Alguns Spas são parecidos com um Hotel cinco estrelas, outros mantém uma estrutura mais simples nos quartos, mas na filosofia eles se assemelham muito, com uma base de 600/700 calorias onde você passa o dia entre as atividades esportivas e recreativas e vai para cama literalmente "quebrado",  principalmente  se  você  sedentário  como  eu.  Mas  se  quiser  apenas desintoxicar o organismo ou relaxar mantendo o peso atual pode dobrar a quantidade de calorias ingeridas informando na recepção seus objetivos.

  

 
O dia no Spa normalmente começa cedo: 07 horas da madrugada com um café da manhã bastante aquém do que habitualmente você deve estar acostumado.Depois disto, sempre uma longa caminhada matinal ( exercícios aeróbicos normalmente auxiliam na perda de peso) seguida de outras atividades físicas até a hora do almoço. Normalmente água, café e chá estão à vontade para ingestão do cliente.

No almoço, outra surpresa te espera, um prato multicolorido com legumes e verduras e uma pequenina porção de peixe, carne ou frango. Você deve comer bem devagar para prolongar aquela sensação prazeirosa de degustar algo. Um merecido descanso para preparação às atividades da tarde ( voley, hidroginástica, futebol,etc) seguido de um caminhada antes do jantar. Aqui você não pode ficar parado, são várias atividades ao longo do dia e assim você até esquece da fome.

À noite chega com um jantar à luz de velas muito bonito e um prato de 232 calorias. Quando você vai para a cama, suas pernas pesam mais que todo o seu corpo e o resultado é que você nem se lembra mais daqueles inúmeros documentos em cima da sua mesa de escritório, dormindo feito um anjo um sono pesado e regenerativo.Outra coisa a se ressaltar é que a comida do spa é excelente, não sei se somos induzidos por causa da fome, mas cada alimento tem um sabor muito especial.

Outra coisa que normalmente surpreende é a quantidade de quilos perdidos, porque normalmente a pessoa que vai a um spa imagina que se comprometem a fazer vários sacrifícios, porém desejam resultados quase impossíveis de se alcançar em uma semana. A culpa se deve a algumas revistas da moda que contam histórias maravilhosas sobre pessoas que perderam 10 ou 20 quilos num spa.

Tudo depende do metabolismo de cada organismo porém a média de peso perdido é de 400 gramas por dia para quem faz todas as atividades e não traz comida escondida de casa.

Se o seu objetivo for perder peso, descansar e desintoxicar a melhor pedida é dar uma passada em um spa. Hoje em dia existem lugares para todos os gostos e bolsos onde você possa passar bons momentos!
 
Reportagem: Yoko Nakamura