Compare Produtos, Lojas e Preços
Negócios

O Mercado Turístico - Fev/02

Voltar

A demanda do mercado é determinada pelo preço do bem ou serviço turístico oferecido, serviços substitutos, nível e distribuição de renda, número e idade dos consumidores, preferências, fatores de moda e outros. Os preços são um reflexo dos custos e levam à eficiência distributiva, pois custos menores significam aumentos no volume de negócios e maiores benefícios em geral. Já a oferta depende de seu preço, das condições em que é produzido e a tecnologia utilizada e os preços dos insumos necessários.

Uma concorrência imperfeita é uma situação onde as empresas, usando práticas enganosas como diferenciação do produto, marcas e propaganda, tem a capacidade de influenciar na demanda de turistas. Seja pelas restrições ao ingresso de competidores, existência generalizada de incerteza e conhecimento imperfeito sobre preços e lucros, sem competição de preços e com possibilidade de produção de produtos substitutos.

Os mercados de turismo se assemelham a uma concorrência imperfeita, pois cada empresa, cada hotel ou cada agência de viagens oferece produtos únicos e diferenciados dos demais. Dois hotéis não oferecem o mesmo serviço ou conforto e nem uma agência de viagens oferece os mesmos pacotes ou estadias, se assemelhando a um monopólio.

Do mesmo modo que as empresas tem liberdade de variar seus preços, as pessoas estarão dispostas em pagar mais por um produto que procuram ou mudar de agencia de viagem por preços mais baixos. Mas a redução de preços não é tão fácil para as empresas pois elas já atuam no mercado com limites mínimos de preços.

Existem muitas empresas pequenas no mercado e embora haja muitas empresas substitutas, são imperfeitas. Ou seja, no mercado turístico existem muitas empresas que podem ser escolhidas para usufruir das viagens, mas nenhum produto tem um substituto perfeito, um mesmo produto. Cada um tem pontos fortes e fracos seja no preço, na qualidade ou nas condições prestadas.

Um oligopólio ocorre quando um mesmo produto é oferecido por um número pequeno de empresas, com atividades e políticas de produção determinadas pelas reações esperadas de uma outra. É a independência entre poucas empresas.

Existem hotéis de categoria superior, e grandes cadeias hoteleiras que funcionam como em um mercado de oligopólio, onde tendem a ser poucas e relativamente grandes em relação ao mercado. 

Um outro comportamento oligopolista no mercado turístico é o das companhias aéreas. Um setor que nos últimos 30 anos não aumentou os preços tanto outros ramos do turismo como a hotelaria, mesmo descontada a inflação. A explicação pede ser dada pelo aumento da tecnologia buscada por estas empresas fazendo com que aumentasse a eficiência e diminuísse os custos.

O equilíbrio econômico do mercado é indeterminado, pois as leis de oferta de demanda nem sempre são determinantes. Quando um grande hotel negocia com uma importante operadora de viagens que dispõe da maioria de seus clientes, presume que diminuindo seu preço pode vender mais e ao mesmo tempo a operadora poderá até comprar por um preço maior devido as necessidades dos clientes. O resultado é que o hotel, idealmente, desejaria vender uma certa quantidade a um preço relativamente alto, e a operadora tenderia a comprar menos e a menor preço. 

Cada um dos dois agentes tomaria a decisão para si, caso o outro não tivesse poder no mercado. Se o hotel não tivesse poder de mercado, o hotel poderia pedir um preço menor e caso a operadora de viagens não tivesse poder de mercado, o hotel poderia pedir um preço mais elevado.

Sobre a discriminação dos preços nos hotéis, também tem uma situação peculiar pois os donos dos hotéis podem porventura cobrar preços diferentes de um mesmo produto / hospedagem. Assim, os hotéis podem aplicar um preço aos hóspedes individuais de apenas um pernoite, tarifas distintas a grupos turísticos e viajantes de negócios. 

Conclui-se que o preço é menor para aqueles clientes que se encontram mais estimulados a consumir em virtude da redução; os que viajam a negócios ou funcionários pagam menos nos hotéis que os itinerantes; os turistas pagam menos, nos aviões, que os homens de negócios ou funcionários. O mercado exibe certas imperfeições em relação a suas formas de concorrência.

Reportagem: Ulisses Nunes Sodré

Voltar